Palavra de ministro-consultor

Aparentemente ignorando a subida galopante da taxa de desemprego, a sucessão de desvios colossais nas contas públicas e a queda insustentável e inesperada da procura interna nacional, António Borges, o ministro-consultor, veio na semana passada garantir que o programa de ajustamento português está a correr melhor que o esperado e até recuperou um “slogan” querido ao Governo: Portugal não precisa “nem de mais tempo, nem de mais dinheiro”. Mas então do que precisa o País? Mais austeridade, parece dizer Borges.

Visto por Dentro, 02 de Setembro de 2012

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s